Dicas para combater a Podridão Mole nas orquídeas.

Folha de Phalaenopsis infectada por bactérias
A Podridão mole é causada pela Pela bactéria Erwinia carotovora que degrada a parede celular. Esta bactéria é encontrada no solo.

As bactérias são organismos oportunistas que podem entrar através de feridas e se espalhar tão rapidamente que as plantas podem apodrecer completamente em 2 a 3 dias. 

A infecção surge na maioria dos casos nas folhas e vai descendo até alcançar as raízes.

Nas Phalaenopsis apresentam como manchas nas folhas que tem o aspecto que o tecido da folha está embebido d’água (aquoso) e de coloração escura com afundamento do tecido. 

Está podridão úmida pode ter odor fétido e uma aparência de estar encharcada d’água, mas são na verdade colônias de bactérias que estão destruindo o tecido foliar.

O agente patógeno quando encontra condições em que fatores como umidade e calor e o veículo de propagação (água contaminda, etc.), dar-se sobre a planta a infecção.

Profilaxia:

A forma de prevenir a doença é evitar borrifar diretamente as folhas para que a água não fique acumulada no tecido e possa infectar a planta.

Sprays a base de compostos de cobre ajudam a prevenir, especialmente durante o período quente e úmido.

Tratamento:


O tratamento consiste em remover imediatamente o tecido infectado utilizando um instrumento estéril e aplicando logo após uma solução bactericida que pode ser a base de água sanitária a 10% ou a base de solução de cobre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Popular Posts